GeralNews

TRE-PB cassa quatro vereadores de Cuitegi por fraude na cota de gênero

O Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) cassou, na noite desta quinta-feira (14), o mandato de quatro vereadores de Cuitegi, no Brejo paraibano. O motivo, fraude na cota de gênero nas eleições de 2020.

A Corte determinou inválido  os registros de candidaturas e o diplomas de todos os candidatos que concorreram as eleições pelo Cidadania ao entender que o partido incluiu três mulheres apenas para figurar e preencher as exigências da Justiça Eleitoral.

Os votos dos eleitos e não eleitos foram anulados e, dessa forma, haverá uma retotalização do coeficiente eleitoral entre os outros partidos que disputaram o pleito não havendo a necessidade de novas eleições.  As candidatas consideradas ‘fictícias’ receberam sanção de oito anos de inelegibilidade.

Os parlamentares que deixarão a Câmara Municipal conforme a decisão são: Willame, Edinho da saúde, Lili e Alexandre Almeida.

MaisPB

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.