GeralNewsPolítica

Thiago do Mutirão faz balanço de seu trabalho no legislativo e alfineta vereadores de dois discursos

O vereador integrante da bancada de sustentação do governo municipal de Guarabira Thiago do Mutirão, concedeu uma entrevista na Rádio Cultura FM nessa terça feira (04), onde foi possível fazer um balanço de suas ações apresentadas no primeiro semestre de 2023.

Thiago explanou sua defesa que segundo ele não é de hoje as discussões sobre a gravidez precoce, “Temos trabalhado muito sobre a gravidez precoce porque temos principalmente nas comunidades de Guarabira um grande quantitativo de crianças cuidando de crianças, muito se discute sobre desigualdade social e a gente não tem como trabalhar nisso sem pensar na prevenção, temos que levar essas discussões para as escolas, eu trabalho com adolescentes e percebo que os hormônios são lá em cima e precisa da orientação pra isso”, pontuou.

Você vai na UBS e fica impressionado com a quantidade de crianças fazendo pré natal

Thiago do Mutirão

O parlamentar guarabirense acrescentou também que vem debatendo e apresentando projetos de lei em torno da psicologia nas escolas, “Nós saímos de uma pandemia onde nossos jovens ficaram trancados e essa pandemia está tendo reflexo agora, levei uma prima minha que é Psicóloga ao bairro do Mutirão e foi constatado vários casos de pessoas se mutilando, então há uma necessidade gritante da educação juntamente com a saúde traçar uma estratégia para combater isso”, frisou.

Quando indagado sobre uma possível “frieza” de sua parte no tocante ao seu comportamento político, Thiago citou amadurecimento e alfinetou alguns comportamentos de colegas parlamentares na Casa Osório de Aquino, “O que muda é você amadurecer, antes discutíamos muito afim de mostrar o que foi positivo e negativo, hoje temos uma câmara composta por 15 vereadores e tanto de oposição quanto de situação tem vereadores que precisam pensar no legislativo, pensar nas pessoas, eu vejo muito só pensar no eu e tenho feito essa crítica, então fico disperso a isso porque não queremos entrar no mesmo ramo”, disse.

Alguns dos vereadores é mais ator do que vereador, a população precisa perceber isso.

Thiago finalizou afirmando que tem vereadores que gostam de jogar pra torcida se aproveitando de situações e citou o exemplo dos profissionais do SUAS e que segundo ele alguns pegaram carona dizendo que existia uma gratificação de 40% que iria ser paga de forma imediata e quando na verdade não era.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.