GeralNewsPolicial

STJ mantém Padre Egídio Carvalho preso

O ministro Teodoro Silva Santos, da Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça, acaba de rejeitar o habeas corpus impetrado pelo Padre Egídio Carvalho. A ação foi movida na semana passada e buscava livrar o religioso da cadeia.

Egídio de Carvalho Neto, o Padre Egídio, no dia 17 de novembro, durante a segunda fase da Operação Indignus. Ele é suspeito de desviar cerca de R$ 140 milhões do Hospital Padre Zé, unidade que presidiu por mais de dez anos.

Para o Ministério Público, há provas e indícios de diversos crimes contra o padre, como a compra de imóveis de luxo na Paraíba, Pernambuco e Ceará, além de usar os recursos do hospital para pagar os custos de seus carros e as mensalidade do curso de medicina em São Paulo de um sobrinho.

Blog do Walisson Bezerra

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.