Parlamentar inglês morre após ser esfaqueado durante encontro com eleitores em uma igreja

David Amess, um parlamentar britânico de 69 anos, morreu depois de ser esfaqueado diversas vezes nesta sexta-feira (15) durante um encontro dentro com eleitores de seu distrito que ocorria dentro de uma igreja. A polícia de Essex, onde o crime aconteceu, confirmou a morte.

Amess tinha 69 anos e era do Partido Conservador do Reino Unido, o mesmo do primeiro-ministro Boris Johnson. Ele era o parlamentar do distrito de Southend West, na região de Essex.

Segundo a Sky, um homem entrou no local onde o encontro ocorria e esfaqueou o parlamentar.

O gabinete de Amess confirmou a história.

Em nota, a polícia afirmou que chegou ao local e encontrou um homem ferido. Ele chegou a ser tratado por serviços de emergência, mas morreu no local. A polícia afirmou ainda que um homem de 25 anos foi preso e que não procura mais ninguém.

Amess foi eleito para o Parlamento pela primeira vez em 1983, para representar o distrito de Basildon. Ele passou a concorrer no distrito de Southend West a partir de 1997.

Em seu site, ele afirmava que seus principais interesses são bem-estar animal e temas ligados às campanhas “pró-vida”.

Em 2010, um parlamentar do Partido Trabalhista foi esfaqueado em seu escritório regional. Em 2016, a parlamentar Jo Cox foi baleada e morta dias antes do referendo que decidiu pelo Brexit. Veja abaixo um vídeo sobre esse assassinato.

Fonte: G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *