João Pessoa: Chuvas chega a quase 60% da média histórica de 30 anos para fevereiro

As fortes chuvas registradas em João Pessoa nesta sexta-feira (26), superaram em quase 60% o volume médio histórico de 30 anos da cidade para fevereiro em apenas 8 horas, conforme a prefeitura do município. Neste intervalo de horas, choveu o total de 167,8 milímetros, sendo que a média para o mês inteiro, que conforme medições dos últimos 30 anos, é de 108 milímetros.

De acordo com a Defesa Civil, o volume de chuvas é superior ao que deveria ocorrer em todo o mês de fevereiro, com um acréscimo de 45% do que já estava previsto.

Conforme a previsão da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), as chuvas desta sexta-feira fazem parte do aglomerado convectivo gerador de chuvas na faixa litorânea e áreas adjacentes.

De acordo com a Divisão de Controle Ambiental da Secretaria de Meio Ambiente, seis árvores caíram nessa sexta-feira na capital. Uma queda foi registrada no Jardim Botânico, tombando para a Avenida Pedro II. Também foram registradas quedas no Altiplano, no Jardim Cidade Universitária, Jaguaribe, Mangabeira e Miramar.

A Secretaria de Infraestrutura atuou com ações de manutenção para reduzir os transtornos com alagamentos no Varadouro, Centro, Torre, Água Fria, Altiplano, Mangabeira, José Américo e Manaíra.

Devido ao forte volume pluviométrico, vários pontos da cidade registraram alagamentos, como na Avenida Dom Pedro II, que ainda teve uma árvore caída próximo ao Ibama, no Viaduto do Cristo, na Avenida Bancário Sérgio Guerra, nos Bancários e na Avenida Epitácio Pessoa. Além disso, foi confirmado o deslizamento de uma barreira entre os bairros do Roger e Padre Zé, mas ninguém ficou ferido.

Reportagem e edição Por G1 PB

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *