GeralNews

Ex-diretor da Abin afirma que General Dias pediu para retirar seu nome de planilhas de alertas enviados pela Abin

O ex-diretor adjunto da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) Saulo Moura da Cunha afirmou, na CPMI do 8 de Janeiro, que o ex-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) general Gonçalves Dias determinou que o nome dele fosse retirado das planilhas de alertas que foram enviados pela Abin.

“Eu apresentei ao ministro uma planilha com os alertas que a Abin havia encaminhado para os grupos de WhatsApp, e aqueles alertas da Abin que eu havia encaminhado a ele”, afirmou Saulo.

“Ele determinou que o nome dele fosse retirado, argumentando que ele não era o destinatário daquelas mensagens, que os destinatários eram os grupos de WhatsApp”, completou.

Fonte: CNN

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.