Em defesa de Veneziano, Benjamin acusa governistas de não cobrarem dos Ribeiro fim de conversas com a oposição

O ex-deputado federal por dois mandatos Benjamim Maranhão, integrante do diretório do MDB da Paraíba, em entrevista ontem (19), a imprensa paraibana comentou sobre recentes cobranças de alguns deputados aliados do governador João Azevêdo (Cidadania), como Tião Gomes, contra o grupo do senador Veneziano Vital do Rêgo, presidente do MDB no estado.

“Várias pessoas ligadas ao Palácio, deputados da base do governo, estão com uma série de agressões a Veneziano sem necessidade nenhuma. Eu não vejo ninguém reclamar que Aguinaldo Ribeiro ou que Daniella Ribeiro conversem com Romero Rodrigues, conversem com Bruno Cunha Lima ou de Cícero Lucena que diz que o PP deve estar na chapa de todo jeito”, comentou Benjamim que é sobrinho do ex-senador José Maranhão.

Ao comentar sobre a o possibilidade de uma candidatura de Veneziano ao Governo do Estado, ele disse: “Por que o MDB não tem direito de dizer que vai ter candidato ao governo do estado?” Veneziano é uma liderança muito forte no estado da Paraíba e é normal que se tente reconhecer isso. E o que eu digo sempre: o partido não pode se anular. Nem a figura de Veneziano pode se anular, nem o MDB pela sua grandeza, pela sua história, se anular diante da possibilidade de se ter um projeto em 2022″, comentou.

Fonte; PB Agora

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *