Confusão, polícia, protestos e tentativa de golpe marcaram a última sessão do ano na cidade de Sapé

A cidade de Sapé, na zona da mata paraibana já está conhecida em todo estado pelas confusões políticas durante a gestão do Prefeito Sidnei, que vive momentos difíceis em sua gestão e com a sua base de vereadores na câmara municipal de Sapé.

Hoje(16), a última sessão do ano foi repleta de acontecimentos, desde protestos realizados pela população que criticava “rachadinhas” supostamente realizadas por pessoas de confiança do Prefeito Sidnei e expostas em vídeos nas redes sociais, como também criticavam a conduta dos grupo de vereadores independentes, que hoje, seguem apoiando todas as diretrizes do prefeito.

Nota de 3 reais espalhada em protesto na galeria da casa

Durante a sessão, o presidente Abraão Junior passou a presidência para o primeiro secretário, o vereador Arquimedes, para apresentação das suas emendas impositivas, onde foi surpreendido e viu o vereador Arquimedes sessar a sua voz e querer continuar a sessão como presidente, para assim, colocar em pauta o Código tributário enviado pelo executivo, com uma carga excessiva de impostos que irá afetar a vida de todo cidadão sapeense.

Hoje a população viu o resumo do que foi a Câmara no ano de 2021, eu fico envergonhada de ter colegas vereadores que estão brincando com a cara do povo. Não podemos tolerar isto, estão indo contra o povo, o porque, ninguém sabe!!

Vereadora Teresinha do Peixe

Durante a tentativa de “golpe” os ânimos esquentaram dentro do plenário da Câmara dos vereadores, onde em meio a um grande tumulto, o vereador Abraão deu por encerrado a última sessão ordinária do ano de 2021 na casa de Augusto dos Anjos.

Polícia

Mesmo após o encerramento, o grupo de vereadores que hoje se intitula de “Base do Prefeito” contendo 12 vereadores, se manteve presente no plenário e querendo iniciar uma nova sessão sem a presença do presidente da Casa.

Vereadores da “Base do Prefeito” organizando nova sessão

Após o inicio desse novo tumulto, a polícia foi acionada e se fez presente para apaziguar a situação, controlando os nervos dos vereadores e mediando um acordo entre o grupo de sustentação do prefeito e o presidente Abraaão.

A Câmara Municipal de Sapé vem sendo destaque negativo na Paraíba e já é falado nas ruas da cidade que essa é a pior legislatura da história da cidade. Denuncias de rachadinhas, empregos fantasmas, descaso com o erário público, entre outros diversos crimes são ignorados pela maioria dos vereadores, que hoje elogiam e fazem vista grossa aos problemas da cidade de Sapé.

One thought on “Confusão, polícia, protestos e tentativa de golpe marcaram a última sessão do ano na cidade de Sapé

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.